Conab apresenta perspectivas para a mamona em Irecê
  • Compartilhe:

 

Ascom Conab

O cenário de mercado da mamona na Bahia nos últimos quatro anos será apresentado nesta segunda-feira, 28, em palestra realizada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) no Seminário sobre Políticas Públicas e Perspectivas para a Cultura da Mamona no Semiárido Baiano, que segue até amanhã no município de Irecê (BA).

Na ocasião, também será abordado o aprimoramento da metodologia do levantamento de safra executado pela Companhia. De acordo com o último Boletim divulgado pela Conab, a safra 2017/18 de mamona prevê um aumento de área no país, alcançando 32,1 mil hectares, que representa acréscimo de 14,6% em relação à safra passada, que foi de 28 mil hectares.

Para a Bahia, maior produtor nacional desta cultura, estima-se que a área cultivada seja de 27 mil hectares, com a produção esperada de 17 mil toneladas. A mamona é um cultivo que se desenvolveu especialmente na microrregião de Irecê, composta por 19 municípios, intensificando o cultivo após o direcionamento para a produção de biocombustíveis.

Jornal Nova Fronteira