Adeus meu amigo Elier

Publicada em 18/12/2016 às 19:18

Chegou o momento da despedida e não poderemos deixar nosso querido Elier partir sem receber nossas palavras de carinho.

Com a frase “feliz do homem que possui uma moto, ele pode viajar, ver paisagens e entender a si próprio” gostaria de definir um pouco do ser humano Elier.

Sem dúvida um homem intenso, sonhador e grande realizador.
Hoje ele deixa seu par de rodas por  um par de asas e se tornar um anjo de bandana voando ao encontro de Deus e agora será nosso anjo protetor.

Foi um filho exemplar, presente e muito apaixonado pela sua mãe Iolanda e seu pai Carlito.
Um irmão parceiro e pronto para ajudar
Um cunhado, genro, sobrinho  e tio protetor. Para ele, os sobrinhos eram como filhos. A prova é o grande amor que todos têm por ele.
Um amigo verdadeiro que sabia o valor de uma grande amizade. Muitos deles estão aqui hoje.

Um marido exemplar e com sua amada Denise construiu uma linda família.
Mas sem dúvida, seu melhor papel foi de avó. Com os netos fazia cambalhotas, vestia fantasias de halloween e voltava a ser criança. Poucos avôs são tão disponíveis para seus netos como Elier foi. Na sexta pegava seus netos e os levava para passar o final de semana e fazia da sua casa um parque de diversão. Com certeza fará muita falta, mas em cada neto, mesmo pelo pouco tempo de convivência ele deixará a sua essência e seu amor.

Quando subia na sua moto nos finais de semana se sentia livre para sonhar e viver intensamente os desafios de um homem sonhador.
Mas na segunda, o espírito de engenheiro e empresário empreendedor falava mais alto. E foi com esse espírito que chegou há 15 anos no Oeste da Bahia. Chegou e logo mostrou sua determinação e competência. Ele não passou por aqui em vão, porque deixará um legado de obras realizadas que o tornará inesquecível. Sabia como ninguém formar uma eficiente equipe de colaboradores, talvez esse seja o segredo do seu sucesso como empresário.

Hoje ficaremos aqui mergulhados na dor, mas orgulhosos e agradecidos por Deus nos tê-lo dado como presente em nossas vidas.
Agradeço em nome da família Cerrato o carinho e atenção recebidos nesse momento difícil. Muito obrigada! Deus nos abençoe!

Agradecimento especial a nossa amiga Vick Wobeto Rodrigues pelo texto maravilhoso, que em poucas palavras definiu ELIER.

 

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

*

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br