OAB-BA cria endereço para receber denúncias de preconceito contra nordestinos

Publicada em 30/10/2014 às 08:07

Fonte Correio da Bahia

A Ordem dos Advogados do Brasil na Bahia (OAB-BA) criou um endereço eletrônico para receber denúncias de casos de discriminação pelas redes sociais contra nordestinos. Apenas 24 horas depois de disponibilizar o serviço, a OAB-BA já recebeu 90 queixas, segundo divulgado nesta quarta-feira, 29.

A onda de ataques contra nordestinos surgiu novamente após uma eleição – com a vitória da presidente Dilma Rousseff, muitos internautas, especialmente os que vivem no sul e sudeste do país, atribuem o resultado à região, onde a petista teve mais uma vez bom desempenho. As mensagens são ofensivas aos nordestinos e chegam a defender a separação das regiões do país.

“Existe uma legislação específica que veda qualquer tipo de preconceito, seja ele de raça, credo, de opção sexual ou mesmo de procedência. Essa legislação dá uma pena de detenção de 1 a 3 anos (…) Tem muita gente que acha que a internet ainda abriga o anonimato pleno e as redes sociais também. Não é bem assim”, disse à TV Bahia o vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB-BA, Eduardo Rodrigues.

As denúncias serão encaminhadas ao Ministério Público Federal (MPF). Interessados podem encaminhar as mensagens ofensivas, de preferência com imagens, para o email direitoshumanos@oab-ba.org.br.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br