Treinamento de boas práticas de alimentação hospitalar é oferecido a cozinheiras do Hospital e Maternidade de São Desidério

Publicada em 26/05/2017 às 06:39

Texto e fotos Ana Lúcia Souza

Funcionárias lotadas no setor de produção de refeição do Hospital e Maternidade Nossa Senhora Aparecida, em São Desidério, participaram na noite de quarta-feira, 24, de uma capacitação sobre boas práticas de manipulação de alimentos e dietas hospitalares. Uma promoção da Secretaria Municipal de Saúde, com o objetivo de orientar cozinheiras, copeiras e higienizadoras acerca da produção de refeições seguras e higiênicas para atender às necessidades dos pacientes internados.

A nutricionista clínica e hospitalar que atende no município, Andréia Rocha, ministrou o curso. Segundo ela, o treinamento contemplou noções de boas práticas de manipulação, higiene pessoal, armazenamento e preparação de alimentos e padronização das dietas hospitalares. “O curso é voltado para o setor de produção e quem tem a beneficiar com isso são os pacientes que vão receber dietas produzidas de forma segura do ponto de vista higiênico-sanitário, e que atenda às suas necessidades patológicas”, afirmou a nutricionista.

Para a copeira Flávia de Carvalho, sempre é uma boa hora para aprender. “Muito importante este momento, pois sou uma copeira novata e quero aprender mais para ajudar quem precisa desse serviço” destacou. A cozinheira, Maria do Socorro Ferreira, desempenha a função há 16 anos. “Mesmo que tenha experiência em cozinha, ainda é pouco, tenho que me capacitar, pois preciso aprender mais para fazer o melhor para os nossos pacientes”, completou.

O diretor administrativo do hospital, Adrianno Almeida esteve presente durante o curso. “O refeitório do Hospital e Maternidade está passando por reforma no momento, retornando suas atividades em breve. Este curso veio em boa hora, porque é necessário aprimorar as boas práticas de manipulação e preparação de alimentos, e essas capacitações serão contínuas, vão ser estendidas para outros setores, como as recepcionistas, técnicos em enfermagem, enfermeiros e outros, para ofertar uma saúde digna e humanizada aos nossos pacientes”, explicou.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br