Comissão de Agricultura protagoniza debate sobre a cultura da soja

Publicada em 21/08/2019 às 14:39

Ascom Jusmari Oliveira

A cultura da soja foi o assunto em destaque na audiência pública realizada na manhã desta terça-feira, 20, na Assembleia Legislativa da Bahia. Pautada pela presidente Jusmari Oliveira, a reunião contou com as presenças dos principais representantes do setor produtivo. “Conseguimos fazer um debate muito proveitoso, os produtores apresentaram suas demandas, mas também apontaram alternativas através de números, de dados técnicos muito bem elaborados, e com base nestes dados, vamos elaborar um documento para encaminharmos as diversas instâncias de governo no sentido de solicitar mais investimentos para este importante setor da economia baiana”, disse Jusmari. A iniciativa da parlamentar foi elogiada pelo secretário de Agricultura da Bahia Lucas Costa. “Eu não poderia faltar a um encontro desta magnitude e que de forma tão aprofundada debateu a cultura da soja na Bahia. A deputada Jusmari, mais uma vez, demonstra o seu compromisso com o desenvolvimento da região Oeste da Bahia como um todo, ao pautar um tema tão relevante para a economia de nosso estado”, frisou.

Entre as principais demandas elencadas pelos produtores estão logística, tributação, fornecimento de energia elétrica, segurança pública territorial, jurídica, burocrática, ambiental e trabalhista conforme apresentação feita pelo engenheiro agrônomo Armando Sá Nascimento que faz parte do grupo gestor que representado por diversas entidades agrícolas. O produtor Moisés Schimdt falou em nome da Aiba – Associação dos Irrigantes da Bahia – e informou que representantes de vários países estiveram no Oeste Baiano para conhecer o modelo de agricultura desenvolvida na região. Moisés também se referiu a logística como um dos setores que precisam urgentemente de investimentos governamentais e pediu celeridade nas obras da ferrovia Oeste-Leste e melhor infraestrutura de portos para facilitar a exportação da soja produzida no Oeste. Ele ressaltou que os números da produção de soja mostram a importância desta cultura para a economia baiana. “A Bahia é o 6° maior produtor do Brasil, a soja é responde por 25° do PIB baiano, é o principal produto na pauta de exportação e só precisa de mais infraestrutura para continuar dinamizando a economia em nosso estado”, explicou.

O presidente do Sindicato Rural de LEM Cícero Teixeira disse que os agricultores do Oeste produzem com sustentabilidade tanto é que as reservas florestais estão acima do que prevê o Código do Ambiental. Ele frisou ainda que o sucesso da agricultura é resultado de um conjunto de esforços entre produtores e poder público.

Uma das propostas feitas por Paulo Roberto Reis, representante da Superintendência do Ministério da Agricultura na Bahia, foi a oficialização do escritório do Ministério da Agricultura que funciona no Parque de Exposições em Barreiras mas de maneira, segundo ele, oficiosa. A presidente Jusmari Oliveira assumiu o compromisso de unir forças com o setor para cobrar esta providência do governo federal. A reunião se estendeu por toda a manhã e foram reivindicadas ainda melhoria das estradas, telefonia, entre outras demandas mas os produtores não se limitaram a reivindicar. Eles foram além e se colocaram a disposição também para fazer as parcerias que possibilitem novos investimentos na infraestrutura da região e lembraram que estas parcerias já se tornaram realidade em alguns casos.
O prefeito de Luís Eduardo Magalhães, Oziel Oliveira, também se referiu a parceria com os agricultores e disse que o município vem fazendo a sua parte e investindo em setores estratégicos, como educação e saúde e atraindo indústrias para agregar valor aos produtos e gerar emprego e renda para a população.

Estiveram presentes ainda Wilson Andrade da FIEB, Federação das Indústrias do Estado da, Maurício Bacelar, Diretor Geral da Adab Bahia, Alan Juliane, representante da Aprosoja, da Desanbahia Paulo Costa e Gustavo Grillo, da Bahiater Izailtiene Gomes, pela Conab o gerente Marcelo Ribeiro, o secretário de Agricultura de Luís Eduardo Magalhães, Eduardo Yamashita, o vereador de Barreiras Otoniel Teixeira e o presidente da Câmara de São Desidério, vereador João Nere e diversas lideranças políticas. A próxima audiência pública da Comissão de Agricultura discutirá as demandas da região cacaueira.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br