Homem sobrevive após ser atingido por seis disparos de pistola em Barreiras

Publicada em 16/04/2015 às 16:11

sandrao1

Fonte portal rb.am.br

O carregador Alessandro Souza Peixoto, 34 anos, vulgo ‘Sandrão’, sofreu seis disparos de pistola calibre ponto 40, em uma tentativa de homicídio ocorrida por volta das 20h do último dia 14, em frente a seu local de trabalho. As marcas do atentado são visíveis no corpo da vítima.

Ontem, 15, horas depois do crime, vivo e fora de risco de morte, a vítima esteve na delegacia de homicídios de Barreiras para ser ouvido sobre o caso. Sandrão contou que assim que sofreu o primeiro tiro, correu, fugindo dos atiradores. Alessandro ainda foi atingido por seis tiros de pistola.

Ferido e sangrando, ele foi levado para o pronto socorro do Hospital do Oeste, onde fez apenas curativos, pois as balas ‘transfixaram’ o seu corpo nos pontos atingidos, de forma que nenhum dos projeteis ficou alojado.

Ele alegou para a equipe da Rádio Barreiras, onde concedeu entrevista, que desconhece o motivo e as pessoas que querem matá-lo. Ele suspeita que esteja sendo confundido com um outro ‘Sandrão’ que existe na cidade.

No dia 6 deste mês, à noite, o morador de rua, Fabrício Gonçalves de Azevedo, 32 anos, foi assassinado na Orla do Cais do Rio Grande, Centro Histórico de Barreiras, oportunidade em que dois homens que atiraram contra Fabrício, chegaram procurando por um tal ‘Sandrão’, que seria Alessandro, mas não o acharam.

A delegada de polícia Marineide Pires ouviu Alessandro, mas ele apenas relatou o atentado, dizendo que estava trabalhando, próximo ao parque de exposições, quando foi surpreendido por dois desconhecidos a bordo de uma moto preta, com o carona já atirando.

O caso está na lista de investigações da delegacia de homicídios de Barreiras.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br