Grávida filha de policial civil é morta a tiros quando chegava em casa em Luís Eduardo Magalhães

Publicada em 02/07/2017 às 07:54

 

Fonte G1.com/BA | Foto Sigi Vilares

Uma jovem de 23 anos foi morta com diversos tiros na cabeça, na noite da sexta-feira, 30, na cidade de Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia. De acordo com informações da Polícia Civil, a vítima estava grávida e foi baleada no momento em que chegava na casa onde morava, no bairro Santa Cruz, por volta das 21h.

Segundo o delegado Leonardo de Almeida Mendes Júnior, que investiga o crime, um homem ainda não identificado atirou na vítima e, em seguida, fugiu do local. A jovem estava acompanhada de um outro homem, que não foi ferido pelo criminoso.

Conforme o delegado, a vítima era filha de um policial civil que trabalha na cidade. No entanto, segundo o delegado, a relação com o crime foi descartada. A autoria e a motivação do assassinato estão sob investigação.

Ainda de acordo com o delegado Leonardo de Almeida, o corpo da jovem foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Luís Eduardo Magalhães, onde será periciado. Não há informações sobre o sepultamento da vítima.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br