Ex-presidiário que trabalhava como gari é morto a tiros em Barreiras

Publicada em 30/07/2015 às 08:05

morte

Da redação JornalNF, com informações e fotos do portal aloalosalomão.com.br

O gari Edimar de Jesus Santana, 25 anos, foi assassinado após ser atingido com um tiro no ouvido e outro na altura do omoplata do lado esquerdo. No momento, ele estava usando o uniforme da limpeza pública da Prefeitura de Barreiras.

O crime ocorreu por volta das 13h de ontem, 29, quando a vítima transitava em sua motocicleta pela Avenida Joaquim Neto, no bairro São Miguel, município de Barreiras, Oeste da Bahia. Segundo informações da Polícia Civil, populares alegam ter ouvido os tiros, logo em seguida, o barulho de uma moto saindo em alta velocidade.

crime

A polícia Técnica esteve no local e não encontrou cápsulas de bala no local e ainda não há como identificar o tipo de arma usada na suposta execução.

A motocicleta da vítima foi levada por elemento não identificado antes mesmo da chegada da polícia. “É muito cedo para falarmos sobre a motivação do crime. Estamos buscando informações sobre o caso, que a partir de agora passa a ser investigado pela equipe da DHPP”, disse o agente investigador Policarpo Medeiros.

Suspeita-se que o tráfico e o consumo de drogas, sobretudo, o crack, seja a causa principal do aumento da violência em Barreiras.

Edimar possuía extensa ficha criminal. Em 28 de agosto de 2013 um rapaz terminou preso quando levava droga para ele na cadeia pública de Barreiras. Ele estava na lista de 34 prisioneiros da cadeia pública de Barreiras que fugiram na madrugada de 07 de novembro de 2012. Foi acusado de participar de motins e até assassinato na carceragem, até ser transferido para Salvador, onde cumpriu pena na Colônia Penal Lafayete Coutinho.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br