Caso Cleomaria: Laudo confirma morte por estrangulamento e não por ingestão de água sanitária

Publicada em 09/01/2015 às 08:57

mulher1

Da redação JNF, com informações e foto do portal cotidianopolicial.com

O laudo cadavério realizado no corpo de Cleomaria Viana Souza, 22 anos, desfez as dúvidas e confirmou que ela morreu vítima de asfixia mecânica (estrangulamento), ao contrário do que se pensava anteriormente de que ela teria se suicidado ao ingerir água sanitária após brigar com seu companheiro de convívio.

O crime ocorreu no último dia 04, em Santa Maria da Vitória, Oeste da Bahia. Acusado de agredir e matar a mulher, um homem de prenome Amilton foi preso e encaminhado para a delegacia de polícia da cidade onde responderá criminalmente por homicídio.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br