Acusado de estupro é assassinado em cela do Complexo Policial de Barreiras

Publicada em 26/01/2016 às 14:07

preso

Da redação JornalNF | Foto divulgação redes sociais

O preso Josenilton Correia dos Santos, 39 anos, foi executado no interior de uma cela do Complexo Policial de Barreiras, Oeste da Bahia. Natural de Ubatã, microrregião de Ilhéus-Itabuna, ele estava detido sob a acusação de praticar um estupro na vizinha cidade de Luís Eduardo Magalhães.

De acordo com informações da custódia, o corpo do suposto estuprador estava pendurado por uma corda feita pelos outros detentos.

O delegado titular de Barreiras, Joaquim Rodrigues acredita que ele foi sentenciado a morte pelos outros ocupantes da especial onde ficam detidos pessoas que cometem crimes de origem sexual. Por medida de segurança ele havia sido transferido da cadeia pública de Luís Eduardo Magalhães em outubro do ano passado.

1 Comentário

  1. Dirson Funaro disse:

    Ai a justiça foi feita, longe da lei que só faz proteger o bandido…

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br