Oi finaliza projeto para instalação de rede de fibra ótica em Barreiras

Publicada em 10/02/2015 às 15:26

fibra

Por Priscila Chammas | Comunicação Corporativa

Com o objetivo de aprimorar os serviços oferecidos aos clientes da região de Barreiras, a Oi iniciou na semana passada, a última etapa da instalação de 695 quilômetros de cabo ótico entre as cidades de Brumado e Barreiras, no Oeste baiano. Nesta etapa serão 160 quilômetros de rede, entre o povoado do Javi e o município de Barreiras. A rede ótica vai proporcionar grande avanço no serviço de transmissão de dados no local. Entre as melhorias previstas estão a disponibilização de serviços de banda larga com maior velocidade, ampliação da cobertura 3G e posterior ativação do 4G. O DDD 77 é uma região importante, onde a Oi tem atualmente cerca de 460 mil clientes de telefonia móvel.

O investimento a ser feito também tornará possível o atendimento de dados a grandes empresas instaladas nesta área. Além de Barreiras, outras 11 cidades serão beneficiadas pela rede ótica e melhoria de transmissão: Brumado, Caetité, Igaporã, Riacho de Santana, Bom Jesus da lapa, Santa Maria da Vitoria, Santana, Serra Dourada, Brejolândia, Cristópolis e Luis Eduardo Magalhães. A previsão é que a rede esteja 100% pronta ainda no primeiro semestre de 2015.

O projeto de Barreiras está dentro dos investimentos da Oi para o estado da Bahia em 2014. Nos nove primeiros meses de 2014, foram investidos R$ 166 milhões no estado. A companhia vem priorizando investimentos em suas redes de telecomunicações, com foco no tripé Operações, Engenharia e TI, para melhoria da qualidade do serviço aos clientes em todas as regiões.

De janeiro a outubro do ano passado, a Oi instalou na Bahia mais de 28 mil portas de acesso à internet banda larga. Neste período, também foram implantados 111 novos sites 2G, 3G e 4G no estado. Os sites são os locais onde ficam as antenas que realizam a transmissão do sinal do telefone celular.

9 Comentários

  1. Jerfeson souza disse:

    Até hoje , 21/03/2016 , a linha De telefonia da oi é 2g em Cristopolis-bahia , desejaria saber o porque?!

  2. Wesley disse:

    Até Hoje nunca vi essa internet aqui viu… acabou as instalações no ano passado e até agora nada.

  3. Paulo disse:

    Olá Pessoal,

    como está a telefonia da OI por aí depois de um ano de

    investimentos e de muito trabalho???

  4. Cleiton Cardoso disse:

    Sim! Cadê essa internet que até agora, nada! Enquanto isso vamos sendo humilhados com a podridão dos modens 3g; sem contar com o péssimo serviço da Oi e com os trambiques de seus técnicos que exploram a população vendendo linha de até R$ 3.000,00
    É isso mesmo! Eu falei “Dois Mil Reais”.
    Viver de internet nessa cidade é humilhante.

  5. Professor disse:

    Quero saber também se essa empresa vai acabar com a máfia dos técnicos que vendem ilgalmente velocidades de acesso e pontos que a loja diz serem indisponíveis, ou se prefere continuar ganhando por fora através de funcionários inescrupulosos.

    Eu, o quanto puder, fujo de qualquer serviço dessa tal de Oi.

  6. Joaquim Rodrigues Pereira disse:

    Os cabos de fibra óptica serão instalados até os bastidores da centrais telefônicas. Para atender os clientes de banda larga deverá haver a interligação com a rede externa (metálica) urbana, onde não existe plano de ação para manutenções corretiva e preventiva e, como tal, essa rede, composta por cabos metálicos e Fios FE’s estão em péssimas condições para transmissão de sinal de voz e banda larga. Ocorrerá então que o cliente contrata uma velocidade X e chegará na ponta uma velocidade Y, essa bem mais baixa do que a primeira. O cliente reclama no cód. 031103 e a OI leva mais de 10 dias para sanar o problema técnico. O prazo regulamentado pelo ANATEL é de 2 horas para atender o reparo de banda larga, admitindo-se o dobro desse prazo para a solução do problema. Com relação ao telefone fixo residencial o prazo é de 24 horas ou até 72 horas para o atendimento. O fixo comercial tem o prazo de 8 horas podendo chegar a a 24 horas. Conclui-se pois, que a OI deve também melhorar a qualidade da sua rede externa metálica nessas cidades citadas na matéria, implantando planos de ações para a melhoria da qualidade da rede externa, com reflexo na satisfação dos seus clientes e atendimento às metas estabelecidas pelo órgão regulamentador/fiscalizador – ANATEL.

  7. Lulinha *--* disse:

    Falta de concorrentes de ponta faz essa empresa oi como é chamada faz o quer na nossa cidade e região a não vejo nada de novidade apenas emendando sua rede de péssima qualidade que cada dia ficar pior a unica empresa vejo colocando fibra ótica é a vivo que segundos os técnicos terá internet de qualidade 50mb a 100mb enquanto a oi velox deve continuar com sua velocidade maxima de 1mb pura falta de respeito com o consumidor oi velox resumindo é verdadeiro LIXO

  8. paulo disse:

    eu sabia que ela nao ativária o 4g na região. vamos ter que esperar a vivo ou claro fazer a iniciativa do 4g. tomara com essas mudanças instale realmente a internet via fibra ótica da oi que chega a 50mb. se essas mudanças for só pro velox, tecnologia adsl antiga vamos ficar no mesmo.

  9. ELEITOR REVOLTADO disse:

    Acredito que eu deveria parar de fazer contas! Vergonhoso o investimento que a OI gaba ter feito. Vejam que o investimento em toda Bahia, conforme noticiado, foi de apenas, e logo vocês entenderão as razões do apenas, R$166 milhões em todo o Estado da Bahia(dados da reportagem), ocorre que apenas na região do DDD 77, que não é a maior fatia de clientes da empresa, a operadora afirma possuir 460 mil apenas em telefonia móvel. Pois bem, dividindo os R$166 milhões(que foi investido em toda a Bahia e não só aqui na região), pelos 460 mil que são clientes do DDD 77, temos um pífio investimento de R$360,87 por cada linha que ela explora comercialmente e lucra absurdos mês a mês. Se considerarmos que o DDD 77 corresponde a apenas 1/3 das linhas(isso na melhor das hipóteses), e dividirmos o valor investido na Bahia por 1.380.000 terminais, temos um investimento de R$120,29 por terminal. Alguns devem falar que boa parte desses clientes são pré pagos, mas lembrem que a ligação pré paga custa 5x mais caro que a pós paga e com as novas regras de telefonia o cliente deve recarregar com uma periodicidade muito curta para não ter o seu serviço bloqueado. Lamentável um anuncio de investimento desse montante!

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br