Enfim, um remédio eficaz contra o câncer

Publicada em 14/10/2015 às 11:50

Ex-professor Gilberto Chierice

Ex-professor Gilberto Chierice

Fonte blog do Itapuan

O empresário barreirense Dó Miguel, que convive com um caso de câncer na sua família, está eufórico com os progressos alcançados no combate à doença, na Universidade de São Paulo, em São Carlos, que resultaram na produção do remédio fosfoetanolamina sintética.

O trabalho efetuado para descoberta da droga durou vinte anos e foram coordenados pelo ex-professor Gilberto Chierice.

Após conclusão da pesquisa, centenas de experiências foram feitas em humanos e  animais, que comprovaram a eficácia do tratamento, que ao contrário da quimioterapia combate apenas as células maléficas, preservando as  boas.

De início a droga foi fornecida a diversas pessoas, porém o governo paulista, via judiciário, sustou a distribuição. Os interessados, então, recorreram ao Supremo que em vinte e quatro horas cassou a decisão da Justiça Paulista.

Como já há jurisprudência, as pessoas interessadas só obterão a droga através da Justiça, ainda gratuitamente. Para tanto, quem se interessar poderá fazê-lo gratuitamente, através da advogada barreirense Dra. Graziela Araújo Oliveira, e:mail wms.oliveira@hotmail.com, ou pelo telefone (77) 9103-5131. a advogada por sinal, já obteve várias liminares para obtenção do remédio, inclusive para sua própria mãe, dona Ginja, que inclusive já o recebeu e começará a tomá-lo hoje mesmo.

Desnecessário é dizer-se que a descoberta de uma droga como a fosfoetanolamina sintética, desperta atenções em todo o mundo e o fato já ocorreu através de propostas de instituições da Europa e dos Estados Unidos, para produção do remédio e os pesquisadores temem que o trabalho desenvolvido no Brasil escape por desinteresse dos nossos governantes.

Falta, porém, para que haja uma efetiva distribuição da descoberta, que o produto seja aprovado pela Anvisa, porém todos os trâmites (pesquisas em animais e humanos) já foram concluídos.

Os estudos dos integrantes do grupo de pesquisadores da USP-São Carlos foram procedidos em um hospital da cidade paulista de Jaú, mas que se  faz necessário uma nova unidade de saúde para concluir o estudo e entrega-lo à Anvisa.

A substância pode significar mais chances na cura do câncer, pois imita a Fosfoetanolamina presente no corpo humano e sinaliza as células cancerosas para a remoção pelo sistema imunológico. Nos anos 90 a USP-SC sintetizou a substância em laboratório, através da combinação de dois compostos, a monoetanolamina usada em cosmético e ácido fosfórico, um conservante comum. Depois que os testes em ratos mostraram eficiência ao regredir tumores sem prejudicar as células normais  passaram a ser usadas em pacientes. Estas pessoas relataram progressos significativos e mesmo o desaparecimento dos tumores, como o caso da mãe de Carlos Witthoeft, morador de Pomerode, Santa Catarina. Com 82 anos, sua mãe com câncer no útero, não poderia se submeter à quimioterapia devido à idade avançada e a um quadro clínico frágil, entretanto ele diz que em poucos dias usando a cápsula, já era clara sua melhora e em dois meses estava curada. O tratamento com o este medicamento não é indicado para quem faz quimioterapia por necessitar que o sistema imunológico permaneça intacto.

Mas os resultados o motivaram a produzir e distribuir as cápsulas gratuitamente, e isto o levou após uma “denúncia” a ser preso e aumentar a polêmica que envolve o medicamento.

4 Comentários

  1. antonio disse:

    boa noite gostaria de saber se uma pessoa que torma radio e quimoterapia pode torma esta pilula e como faço para conseguir rapido
    obrigado

  2. Vania disse:

    Vejam o que saiu sobre essas pílulas no Fantástico do último domingo:

    Edição do dia 18/10/2015
    18/10/2015 22h56 – Atualizado em 18/10/2015 22h56
    Drauzio Varella alerta sobre cápsulas distribuídas como cura do câncer
    Suposto remédio foi criado por professor aposentado de química.
    Centenas de pessoas foram atrás do comprimido no interior de SP.

  3. maria lucia disse:

    dei um sarcoma maligno agressivo de alto grau, e ontem recebi a noticia que meu cunhado em São Paulo também foi diagnosticado com câncer maligno avançado e esta internadqueria um meio pra conseguir as pílulas me ajudem por favor.

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br