Ações de saneamento básico da Codevasf beneficiam comunidades rurais do Médio São Francisco baiano

Publicada em 27/11/2014 às 13:39

codevasf1

Leandro Silva | Ascom Codevasf

Cerca de 1.850 pessoas de comunidades rurais do município de Paratinga, no semiárido baiano, passarão a ter água nas torneiras de casa graças à construção de um sistema de abastecimento. A ação da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) visa garantir acesso à água em áreas rurais do Médio São Francisco baiano.

“Essa obra é muito importante, porque o local é muito seco com temperaturas altas durante todo o ano, e por isso, as pessoas sofrem com escassez de água. Agora esse problema será resolvido com água de qualidade, já que a captação será feita diretamente do Rio São Francisco e o tratamento será feito de maneira convencional, com estação de tratamento de água”, explica Alan Fabiano, técnico da 2ª superintendência regional da Codevasf, sediada em Bom Jesus da Lapa, e fiscal da obra.

A obra está sendo realizada com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Serão investidos aproximadamente R$ 5,8 milhões para beneficiar 160 famílias da comunidade Nova União, outras 86 famílias das comunidades de Volta das Pedras e Pedras do Asfalto, além de 83 de Extrema e 41 de Canafístula.

A captação do sistema será realizada através de estrutura de chapa de aço flutuante no rio São Francisco, enquanto a adução será feita por recalque. O sistema contará com uma estação de bombeamento e uma estação de tratamento convencional clássica.

Módulos sanitários

Além da obra de abastecimento, a Codevasf está investindo também na melhoria das condições de higiene de aproximadamente 70 famílias de comunidades rurais de três municípios do Médio São Francisco baiano por meio da construção de módulos de banheiro, os quais contarão com vaso sanitário, lavatório, reservatório, tanque séptico (fossa) e sumidouro.

Os municípios de Serra do Ramalho, Sítio do Mato e Uibaí também integram a área de atuação da 2ª Superintendência Regional da Codevasf.

O investimento para a realização das obras será de R$ 297,3 mil com recursos do Orçamento Geral da União destinados à Codevasf por meio de emendas parlamentares.

“As pequenas comunidades rurais, em especial do semiárido nordestino, convivem com um alto índice de doenças e endemias provocadas pela falta de infraestrutura sanitária. As melhorias nesses sistemas têm contribuído para o declínio de estatísticas de mortalidade, principalmente infantil, no meio rural. A implementação desses módulos de banheiro, com fossa e sumidouro, fomentará a prática da higiene e da preservação da saúde na população de baixa renda dessas comunidades”, ressalta o técnico da Codevasf Cláudio Márcio Silva, fiscal da obra.

Com previsão de conclusão para abril do próximo ano, serão construídos 69 módulos sanitários, sendo 32 em Sítio do Mato, 23 em Serra do Ramalho e 14 em Uibaí. “A construção de módulos de banheiro é uma alternativa viável do ponto de vista econômico e contribui com a redução do elevado índice de mortalidade provocado pela falta ou inadequação das condições de saneamento domiciliar no semiárido nordestino”, complementa Cláudio Silva.

1 Comentário

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br