Crea-BA realiza Força Tarefa na Região Oeste

Publicada em 13/03/2015 às 10:26

crea

Ascom CREA-BA

Uma Força Tarefa reunindo fiscais do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia (Crea-Ba) vai percorrer a região de Barreiras e Luís Eduardo Magalhães, no período entre 16 e 27 de março. O objetivo é dar suporte às inspetorias com o deslocamento de equipes de todo o Estado, visitar as sedes das cidades e, principalmente, a extensa área de empreendimentos do agronegócio para acompanhar o andamento de todas as modalidades da engenharia, agronomia e profissões das áreas técnica e tecnológica.

Na semana passada, foi concluída a FT realizada nas regiões de Santa Maria da Vitória e Guanambi. Na primeira, foram realizadas 503 visitas, com 11 diligências, resultando em 718 notificações para identificação dos responsáveis técnicos. Já em Santa Maria da Vitória, foram 361 visitas, com 29 diligências e 485 notificações.

Segundo o supervisor de Fiscalização do Crea-BA, Uvirley Borges, a formação das Forças Tarefas se dá em razão da extensão territorial da Bahia (a região de Barreiras, por exemplo comporta alguns países europeus) e o esforço concentrado visa chegar a locais e empreendimentos de difícil acesso. “Concentramos nosso esforço em áreas que ainda não foram visitadas, contando com o apoio operacional de todas as inspetorias do Crea-BA. O objetivo não é apenas notificar, é também divulgar e promover a valorização profissional”. Ao todo, são 17 fiscais, divididos em oito equipes, sendo necessário o acompanhamento da Polícia Militar em algumas áreas de concentração do agronegócio.

As equipes deslocadas para Barreiras visitarão também Formosa do Rio Preto, Riachão das Neves e as regiões de Garganta, Panambi e Coarcerol. Na região de Luís Eduardo Magalhães, as equipes se deslocarão também para São Desidério e áreas do agronegócio da soja. As equipes atuarão munidas de equipamentos de comunicação, com rádios e com o uso de veículos adaptados para zonas rurais.

Nas zonas urbanas, as ações de fiscalização serão realizadas em regime de pente-fino. “Nosso objetivo é fiscalizar o exercício legal das profissões da engenharia e de áreas técnicas”, afirma João Falcão, coordenador de Fiscalização. Segundo ele, outras ações no formato de Força Tarefa serão realizadas no Estado, fiscalizando a presença de profissionais e a emissão de Anotações de Responsabilidade Técnica (ART´s).

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br