Microempreendedor individual tem capacitações gratuitas no Oeste baiano

Publicada em 26/04/2016 às 09:31

mei

Por Luciane Souza

Os microempreendedores individuais (MEI) do Oeste baiano terão uma programação especial de capacitações. Entre os dias 3 e 5 de maio, acontece a Semana do MEI em seis municípios da região: Barra, Barreiras, Correntina, Ibotirama, São Desidério e Serra do Ramalho. Realizado pelo Sebrae em todo país, o evento é considerado o maior mutirão empreendedor voltado para os pequenos negócios.

A programação da semana conta oficinas, palestras e workshops gratuitos. Podem participar das capacitações os interessados em aprimorar sua gestão e aumentar a qualidade, produtividade e competitividade de sua empresa, como explica o gerente regional do Sebrae Barreiras, Emerson Cardoso. “As capacitações serão feitas com uma metodologia prática e de fácil assimilação. Queremos que os participantes aprimorem sua gestão e, com isso, expandam seus negócios”, afirmou.

As inscrições já estão abertas e poder ser feitas na Loja Virtual do Sebrae ou na sede da instituição em Barreiras, localizada na Avenida Benedita Silveira, nº 132, Edifício Portinari, Centro. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (77) 3611-3013, do Sebrae Barreiras.

Confira aqui a programação completa do evento.

Microempreendedor Individual

Trabalhadores que têm faturamento bruto de até R$ 60 mil por ano, ou até R$ 5 mil por mês, podem se registrar como microempreendedores individuais. Para isso, basta acessar o Portal do Empreendedor e realizar o cadastro, tendo em mãos identidade, CPF, comprovante de residência e título de eleitor. O MEI não pode ter participação em outra empresa como sócio ou titular.

O único custo é o pagamento mensal do Documento de Arrecadação Simplificada (DAS), no valor de R$ 44 (INSS), mais R$ 5 para prestadores de serviço e/ou R$ 1 para comércio e indústria, que deve ser pago por meio de carnê emitido no portal. Com essas contribuições, o Microempreendedor Individual tem acesso a benefícios como auxílio-maternidade, auxílio-doença, aposentadoria, além de ter condições de adquirir serviços bancários e financiamentos a taxas mais baixas. O MEI pode ainda participar de licitações e compras governamentais.

É possível também contratar um empregado com carteira assinada, pagando apenas 3% de Previdência e 8% de FGTS, descontados no salário. Além disso, ao se enquadrar no Simples Nacional, o MEI fica isento de tributos federais como PIS, Imposto de Renda, Cofins, CSLL e IPI, precisando apenas realizar a Declaração Anual (DASN-Simei).

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br