As energias renováveis no mundo esportivo

Publicada em 29/04/2020 às 11:13

Estádio Mário Filho (Maracanã), palco da final da Copa do Mundo em 2014

A cada ano que passa as mais variadas categorias esportivas estão buscando se aliar as tecnologias de produção de energia limpa, que não agridam o meio ambiente. Muito mais que o apelo ecológico, a redução de custos se faz necessário num mundo cada vez mais competitivo.

Essas fontes de energias alternativas dispensam as hidrelétricas e o uso de combustíveis fósseis, ao mesmo tempo em que algumas permitem a instalação de unidades de mini e microgeração, capazes de suprir demandas localizadas ou até de serem injetadas na rede para contribuir com o sistema como um todo.

Estádio do Pituaçu. Salvador, na Bahia, foi reconhecida como a primeira cidade brasileira a possuir um estádio com energia solar

No futebol essa prática tem sido cada vez mais adotada, com instalação de placas solares nas coberturas dos estágios. No Brasil essa técnica já vem sendo utilizada desde a Copa do Mundo em 2014, onde quatro estádios que tiveram partidas oficiais foram dotados para captar a energia solar. As Arenas Esportivas de Minas Gerais (Mineirão), Brasília (Mané Garricha), Rio de Janeiro (Maracanã) e Recife (Arena Pernambuco) optaram pela energia solar fotovoltaica, uma consequência bastante adequada à arquitetura dos estádios. Já o Estádio Metropolitano Governador Roberto Santos, mais conhecido por Estádio de Pituaçu (um estádio muito apreciado pelos apostadores do Sportingbet), serviu de centro de treinamento para as seleções da Holanda e da Bósnia. Primeira capital do Brasil e cidade consagrada pelo Carnaval, pela hospitalidade do povo e por suas belezas naturais, Salvador, na Bahia, também foi reconhecida como a primeira cidade brasileira a possuir um estádio solar. O Pituaçu tem capacidade de geração de 400kWp.

A cada ano que passa a Fórmula E ganha mais seguidores

A Fórmula E também segue por caminho oposto a de geração de fonte não renováveis. A cada ano que passa, a Fórmula E vem conquistando um espaço maior no esporte a motor. Criada pela FIA, mesma detentora da Fórmula 1, embora não tenha pretensão de se tornar uma alternativa as competições de combustão, a Fórmula E é uma categoria com veículos movidos exclusivamente a energia elétrica e pretende criar um espaço autônomo para aproximar a nova tecnologia das pessoas e oferecer uma plataforma onde a indústria do motor possa desenvolver e testar novidades.

O Projeto WimBelemDon, instituição de Porto Alegre (RS) que promove a inclusão de crianças e adolescentes da capital gaúcha em situação de risco e vulnerabilidade a partir da prática esportiva do tênis, além de estimular conceitos de sustentabilidade e a conscientização ambiental através da utilização da energia solar fotovoltaica.

Projeto Social WinBelemDon em Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Criado no ano de 2000, o projeto atende atualmente 87 membros da comunidade de Belém Novo, de 6 a 18 anos, com o objetivo de fomentar o desenvolvimento integral de cada educando e, ao mesmo tempo, estimular o protagonismo

Dentre as inúmeras aplicações e benefícios da energia solar fotovoltaica, um projeto em particular se destaca no Brasil por seu caráter social e inovador. Trata-se do WimBelemDon, uma instituição de Porto Alegre (RS) que promove a inclusão de crianças e adolescentes em situação de risco e vulnerabilidade a partir da prática esportiva do tênis, além de estimular conceitos de sustentabilidade e a conscientização ambiental com o uso de um sistema fotovoltaico instalado na estrutura do complexo.

A velocidade que se espera na substituição das matrizes produtivas de energia elétrica só não é maior na indústria automobilística devido a interferência que o capital oriundo dos Xeques Árabes exercem sobre as mesmas. O poderio econômico ainda tem falado mais alto, mas uma coisa é certa, o meio ambiente vem cobrando sua fatura em forma de mudanças climáticas. O esporte como um todo está fazendo a sua parte e se adaptando a essas novas tecnologias. Como prova, agora é possível utilizar um código promocional Betfair para fazer suas apostas nestas novas disciplinas.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br