Começa a reintegração de posse no Barreiras Norte

Publicada em 17/12/2014 às 11:24

codevasf3

Da redação Nova Fronteira

Teve início por volta das 7h30 de hoje, 17, a reintegração de posse concedida pela Justiça Federal em favor da Companhia de Desenvolvimento dos Vales dos Rios São Francisco e Parnaíba relativa a uma das oito ações movidas pela Codevasf contra invasores de lotes, reservas florestais e APP’s no Perímetro Irrigado Barreiras Norte, município de Barreiras, Oeste da Bahia.

codevasf16

A Sentença foi proferida pelo Juiz Federal da Subseção Judiciária de Barreiras, Igor Matos Araújo, no dia 09 de setembro de 2014, e dava aos invasores dos lotes 95/AM e 95/BM, o prazo de 15 dias para desocupar os imóveis afim de que a justiça pudesse fazer o desfazimento das obras e plantações que lá existam.

Apesar do prazo dado pela justiça, os invasores continuaram edificando construções no local, tudo, conforme comentários, sob a influência de políticos interessados nos votos dos moradores do local.

No último dia 12, um delegado da Polícia Federal, em companhia do presidente da Associação dos Invasores, esteve no local e avisou que ontem, 16, seria o prazo dado pela justiça para que os invasores fizessem suas mudanças e retirassem tudo o que pudessem carregar (Galinhas, porcos, ovelhas, telhas, madeira dos telhados, caixas d’água, portas, janelas, entre outros).

codevasf13

Uma moradora do local disse que no último domingo, 14, o presidente a associação promoveu uma reunião com os invasores e os iludiu falando que ninguém abandonasse suas casas que os políticos iriam reverter a situação e ação de reintegração de posse não seria cumprida.
Infelizmente para os invasores, os policiais federais iniciaram a reintegração de posse com o desfazimento de todas as obras e plantações lá existente.

Visando a segurança dos policiais federais e da oficial da justiça federal durante a reintegração de posse, o 10º Batalhão de Polícia Militar enviou um contingente de PM’s. Uma viatura do Samu também foi disponibilizada para qualquer eventualidade.

codevasf12

A Codevasf, através da Gerência Regional em Barreiras, disponibilizou máquinas e equipamentos para fins de desfazimento das obras e plantações, e caminhões para o transporte das mudanças dos invasores. Todo o mobiliário foi encaminhado para um galpão da Codevasf, dentro do Projeto Barreiras Norte.

Entrave: As invasões ocorridas, a revelia da lei, tornaram-se um complicador para os proprietários legais de lotes do projeto. Em função das áreas de reservas florestais e APPs terem sido totalmente destruídas, os empresários rurais e colonos que adquiriram legalmente os lotes, ficam impedidos de contrair financiamentos, seja em bancos públicos ou privados, uma vez que estão impossibilitados de apresentar as licenças ambientais fornecidas pelo Inema e pelo Ibama, órgãos esses, que apesar da proximidades dos crimes contra o meio ambiente ocorridos no local, foram omissos contra essas agressões e malefícios contra a natureza ocorridas no vale, parecendo que o foco deles é multar e penalizar apenas os grandes fazendeiros do Cerrado baiano.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br