Barreiras: Morre a matriarca da família Castro

Publicada em 17/10/2017 às 10:05

 

Faleceu na manhã de ontem, 16, de complicações pós-cirúrgica, no Hospital Santa Luzia, em Brasília, a matriarca da família Castro, Leopoldina Gonçalves de Castro, 92 anos, conhecida como D. Sinhá.

Natural em Picos, zona rural de Boninal, Chapada Diamantina, aos 18 anos Leopoldina casou-se com seu conterrâneo José Gomes de Castro (in memorian), em 20 de maio 1943, com quem construiu uma das famílias mais tradicionais de Barreiras, frutos desta união vieram os filhos Lourdes, Lurdinho, Marina, Ildemar, Euridice, Helena, Castro, Iêda e José Filho.

 

Quando jovem na comunidade de Picos, onde a família tinha uma propriedade rural, Leopoldina era acostumada a ajudar seu pai nas lidas da fazenda, ordenhando as vacas e moendo cana-de-açúcar.

Devota do Sagrado Coração de Jesus Dona Sinhá exercia sua devoção de fé na Paróquia São João Batista. Ao longo de sua vida sempre se dedicou as atividades de assistência social, com carinho e voluntarismo. Mãe e avó dedicada deixa ainda 25 netos e 15 bisnetos, que sempre lhes dedicou carinho e atenção.

O corpo está sendo velado no Memorial Senhor do Bomfim e o sepultamento acontecerá às 17h, nesta terça-feira, 17, no cemitério São João Batista, centro de Barreiras.

3 Comentários

  1. cosme soares disse:

    Meus sentimentos à família Castro.

  2. zerivaldo disse:

    Deus acompanhe e a receba com graça e lovor

  3. zerivaldo disse:

    Minha amiga, tia, mãe e tudo mais. Aqui fica minha despedida, com muita dor, pesar e profundo sentimento. Vai com Deus Dona Sinhá, descanse em oaz.

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br