Barreiras: Demitidos, trabalhadores da Saúde tentam receber atrasados

Publicada em 11/02/2015 às 08:50

funcionarios

Por Plinio Rodrigues | Fonte portal rb.am.br

Uma aglomeração se formou na tarde de ontem, 10, na porta do Instituto Nacional de Amparo à Pesquisa, Tecnologia e Inovação da Gestão Pública (INTS) em Barreiras, Oeste da Bahia. O movimeto era de trabalhadores demitidos da Secretaria de Saúde do município em dezembro de 2014, que até agora tentam receber seus direitos.

De acordo com os trabalhadores, eles foram convocados pelo Instituto, que tinha contrato com a Prefeitura de Barreiras, para negociar os termos de sua rescisão e parcelamento dos atrasados e direitos trabalhistas.

Em 31 de dezembro de 2014 foram demitidos aproximadamente 600 funcionários contratados pela Prefeitura de Barreiras, que foram excluídos do quadro funcional da Secretaria Municipal de Saúde apesar de ainda estarem com três meses de salários atrasados.

A Prefeitura alega não ter recebido repasse de verbas do SUS para pagar os contratados. A demissão em massa deixou as unidades de saúde dos bairros, o Posto de Saúde 24h e o Hospital Municipal Eurico Dutra com grande falha no atendimento médico, inclusive com falta de medicamentos, dos mais básicos aos de uso constante, e materiais e utensílios de uso médico.

Ainda segundo funcionárias que se manifestaram enquanto aguardavam em frente ao Instituto, a proposta do órgão é pagar os 40% de rescisão contratual agora e parcelar os salários atrasados, décimo terceiro e os demais direitos trabalhistas em seis vezes.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br