Após Assembleia, servidores vão a Câmara de Vereadores solicitar Audiência Pública para discutir alteração no Estatuto

Publicada em 07/07/2017 às 08:11

 

Ascom Sindsemb

A notícia da minireforma no Estatuto do Servidor lida na Câmara no dia 4, além de causar surpresa, também despertou a indignação de toda categoria. Ontem mesmo, 05, os sindicatos Sindsemb e Sinprofe convocaram os filiados para deliberarem medidas para tentar preservar os direitos e o respeito com os servidores públicos de Barreiras.

Servidores públicos civis, professores e especialistas em educação, compareceram em massa na Assembleia Extraordinária, lotando a frente da Câmara de Vereadores. Durante horas foram apresentados pelos representantes do Sindsemb, Sinprofe, Sind-Acs os itens que afetam diretamente os direitos conquistados pela categoria, com anos de luta dos sindicatos. Ao final, todos os servidores presentes adentraram o plenário da Câmara de Vereadores para a sessão legislativa, solicitando que os vereadores se sensibilizem com a classe trabalhadora e realizem uma discussão popular para expor as mudanças no estatuto.

As presidentes do Sindsemb, Carmélia da Mata e a presidente do Sinprofe, Arisangela Farias, encaminharam a Câmara de Vereadores um requerimento solicitando a avaliação criteriosa e a realização de uma audiência pública para discutir com os interessados os pontos chaves, principalmente as revogações.

 

“ Sabemos que o Estatuto do Servidor é que garante os direitos, deveres e demais normas que regem a vida do servidor público no município. Baseados nesse principio, não podemos aceitar a forma que esta sendo conduzida essa alteração, na verdade precisamos fazer uma reelaboração do estatuto, mas de forma participativa, democrática e com a presença dos envolvidos, com os dirigentes sindicais e sociedade. Solicitamos sim, a audiência pública. É o mínimo que o executivo e legislativo poderá nos proporcionar nesse momento, porque não fomos ouvidos anteriormente, e agora acreditamos que a comissão de constituição, justiça e redação final, nos dará esse espaço tão importante para todos os servidores de Barreiras”, disse a presidente Carmelia da Mata.

Os projetos 09 e 10 foram encaminhados a Comissão de Constituição, Justiça e Redação Final presidida pela vereadora Maria das Graças Melo do Espírito Santo; relator o vereador João Felipe de Melo Lacerda e membro vereador José Barbosa Pires Júnior, e aguardam parecer. Os sindicatos aguardam a decisão favorável à audiência pública, mas também estão tomando as medidas cabíveis.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br