Novos editais do Bahia Produtiva são apresentados em Comissão na Assembleia Legislativa da Bahia

Publicada em 22/03/2018 às 08:22

Ascom SDR

Uma equipe da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) reuniu deputados estaduais e assessores dos gabinetes para apresentar o Bahia Produtiva, projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR/SDR), nesta segunda-feira, 19, na Sala da Comissão de Direitos Humanos e Segurança Pública, da Assembleia Legislativa da Bahia, em Salvador.

O encontro integra a estratégia de divulgação dos editais lançados no último mês de fevereiro, voltados para apoio a projetos socioprodutivos de Povos Indígenas e Comunidades Quilombolas, Qualificação de Agroindústrias e outro para viabilidade de Alianças produtivas Territoriais. Os quatro editais terão um total de R$98 milhões em investimentos.

O chefe de gabinete da SDR, Jeandro Ribeiro, ressaltou a parceria entre a secretaria e os mandatos dos deputados e colocou as equipes técnicas da SDR, do projeto Bahia Produtiva na sede, em Salvador, e nos Serviços Territoriais de Apoio à Agricultura Familiar (SETAFs), para o apoio na divulgação da ação e esclarecimentos que sejam necessários sobre os editais.

“A execução dessas ações, que terão o acompanhamento de uma assistência técnica e extensão rural (ATER) especializada e continuada, é um compromisso da SDR e o cumprimento de uma ordem do governador Rui Costa para que sejam promovidas intervenções que mudem a vida dos cidadãos baianos”, afirmou Ribeiro.

De acordo com o deputado estadual Gika Lopes, foi importante para os assessores e parlamentares conhecerem o processo de seleção e a dinâmica dos editais do Bahia Produtiva, para que as pequenas indústrias, associações e cooperativas sejam beneficiadas com esses recursos: “O governador Rui Costa está atendendo ao povo de toda a Bahia, nos 417 municípios, cada um com sua necessidade, seja na questão da casa de farinha, do mel, enfim, todas as cadeias produtivas da agricultura familiar. Essa ação é muito importante, e muitas vezes a população não sabe que o governador está sempre preocupado com a agricultura familiar”.

O deputado estadual, Antônio Henrique, parabenizou à SDR, pela importância de estar mostrando como é que funciona esses quatro editais: “São mais de R$98 milhões em aplicações de recursos. É importante a gente saber como podemos conduzir lá na base às associações e cooperativas, para reforçar a agricultura familiar através desses editais de agroindústrias”.

Divulgação dos editais
Para mobilizar associações e cooperativas a apresentarem propostas para os quatro editais do projeto Bahia Produtiva, de apoio à agricultura familiar, lançados pelo Governo do Estado, técnicos da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), vêm realizando oficinas, reuniões e eventos em todos os Territórios de Identidade.

Inscrições de propostas
As inscrições seguem abertas e as Manifestações de Interesse (MI) deverão ser enviadas eletronicamente, mediante preenchimento do formulário no sistema disponível no site da CAR (www.car.ba.gov.br). As dúvidas podem ser tiradas também pessoalmente nos Serviços Territoriais de Apoio à Agricultura Familiar (SETAFs), unidades da SDR em todos os Territórios de Identidade da Bahia. As inscrições para o Edital 010/2018 estão abertas até o dia 04 de maio e os Editais 11, 12 e 13/2018 encerram as inscrições no dia 06 de abril de 2018.

Sobre os editais com inscrições abertas
O Edital 10/2018, Alianças Produtivas Territoriais, no valor de R$ 60 milhões, é o primeiro edital na Bahia que tem como foco a relação comercial das cooperativas da agricultura familiar e empresas privadas, incentivando a inclusão no mercado e as oportunidades de negócio. Os recursos e investimentos serão direcionados para as cooperativas que poderão melhorar seus processos de gestão, aquisições de equipamentos mais eficientes, desenvolvimento de novos produtos, entre outros resultados.

Os editais 011/2018 e 012/2018, voltados para Comunidades Quilombolas e Povos Indígenas, respectivamente, têm investimento de R$ 9 milhões cada, totalizando R$ 18 milhões. A finalidade é prestar apoio técnico e financeiro a projetos voltados para a implantação e gestão de ações de sustentabilidade ambiental, segurança hídrica, alimentar e nutricional das famílias beneficiadas.

Já o edital 013/2018, de Qualificação de Agroindústrias da Agricultura Familiar, no valor de R$ 20 milhões, foi lançado a fim de recuperar unidades agroindustriais que estão com alguma dificuldade de funcionamento. Os recursos serão aplicados diretamente nas associações e cooperativas e contemplarão ações voltadas diretamente para a estruturação e funcionamento de agroindústrias geridas por organizações produtivas da agricultura familiar e economia solidária, com investimentos em infraestrutura, produção, beneficiamento e comercialização, além de apoio à gestão.

Participações
O encontro contou também com a presença dos deputados estaduais Zé Raimundo, Ivana Bastos, Neusa Cadore e Joseildo Ramos, e dos assessores dos mandatos de diversos deputados estaduais, além dos assessores do projeto Bahia Produtiva, Ivan Fontes e Guilherme Cerqueira.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

*

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br