Nota do deputado Antonio Henrique Júnior sobre violência em Correntina

Publicada em 08/11/2017 às 14:13

 

Ascom Antonio Henrique Júnior

O deputado Antonio Henrique Júnior repudiou nesta terça-feira, 07, a violência utilizada contra a fazenda Rio Claro, do Grupo Igarashi, no município de Correntina. O parlamentar se solidarizou com as centenas de funcionários que foram prejudicados pela ação realizada na última semana e elogiou a posição firme do governador Rui Costa em cobrar a identificação dos responsáveis pelos ataques. De acordo com o parlamentar, qualquer questão deve ser resolvida dentro dos limites legais, com diálogo e sem a brutalidade observada, uma vez que o grupo opera na região com todas as licenças exigidas pela legislação.

3 Comentários

  1. Ronaldo disse:

    Colunista do Nova Fronteira há mais de vinte anos aviso que estou colhendo dados pormenorizados para um artigo sobre o assunto, porque a temática vai muito além do problema de vazão dos rios…A questão se insere na dinâmica da revolução ambientalista-ecologista, ou seja, do neocomunismo.

  2. Val Oliveira disse:

    Cadeias nesses vândalos não tem o que fazer e vai demolir o que não lhe pertence como fosse uma região sem lei.Agora pergunto qual a imagem que fica para as empresas que querem investir na região, se estão errados que.busque os meios legais.

  3. jose de oliveira disse:

    Os políticos se elegem com os votos dos pobres ribeirinhos porque são maioria como teria sido o caso do Deputado, vez que os votos dos ricos não são suficientes para elege-los.Muitos ricos até nem votam neles, como é o caso do Deputado acima, como seria o caso dos donos da Fazenda invadida,vai ver que nem na Bahia residem,mas na hora de levantar a voz os políticos sempre o faz em prol da minoria rica. Os pobres como diria o eterno Justus Veríssimo, que se exploda.

Deixe o seu comentário!

*

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br