Nota de Repúdio da Acrioeste contra vandalismo em Fazenda em Correntina

Publicada em 09/11/2017 às 05:58

 

A Associação dos Criadores de Gado do Oeste da Bahia (Acrioeste), repudia e lamenta o ato de vandalismo injustificável ocorrido no último dia 02, na Fazenda Igarashi, localizada no Distrito de Rosário, município de Correntina, Oeste da Bahia e vem a público exigir dos órgãos estatais de segurança pública a adoção das mais enérgicas medidas de investigação, de modo a identificar os responsáveis e patrocinadores desse ato que desafia as leis e promove a instabilidade na região.

A Acrioeste sempre se pautou no diálogo e não pode concordar que empreendimentos agropecuários que estão com todas suas licenças, sejam de instalação, implantação, operação e outorgas, rigorosamente dentro da lei, tenham seus patrimônios depredados por pessoas que possam estar servido de massa de manobra de pessoas irresponsáveis, que através de ações coordenadas e que demandam elevado grau de planejamento, típico de organizações criminosas dotadas de comando centralizado e apoio logístico, promovam a depredação e vandalismo que visam à desestabilização do moderno sistema de produção rural que tem servido de sustentação para a economia nacional.

Solidária com os proprietários da fazenda invadida, a Acrioeste se junta as demais entidades ligadas ao setor produtivo e espera de nossos governantes uma sinalização clara de que não compactuam com a violência no campo, assegurando aos produtores rurais brasileiros o respeito aos ditames do Estado de Direito para que possam continuar a produzir com liberdade e segurança.

Stefan Zembrod
Presidente da Acrioeste

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

*

JORNAL NOVA FRONTEIRA
Rua 19 de maio, 103 - Centro - BARREIRAS - BAHIA
Fone: (0xx77) 3611-8811 Email: comercial@jornalnovafronteira.com.br